Após o FUNDO DA FOLIA

O último texto que escrevi teve uma repercussão carnavalesca! O FUNDO DA FOLIA rodou os rincões do Brasil e viajou pela NET mundo a fora. Fui forçado, então, a opinar sobre soluções que pudessem amenizar os efeitos nocivos do carnaval em nossa cidade.

Diria aos artistas, mais uma vez, que fizessem para as próximas edições do carnaval músicas com letras de cunho educativo direcionadas para grandes problemas da nossa cidade. Não precisa parecer que o carnaval está virando palco de sermões. As músicas podem ser picantes e carregar em suas entrelinhas, embutidas estrategicamente em seus versos, mensagens direcionadas para evitar o lixo nas vias públicas e nos mares, por exemplo.

As melodias inteligentes podem combater o xixi a céu aberto, o uso do crack, a violência, a pedofilia e o turismo sexual. Podem contar, cantando, a história da cidade, a história de monumentos históricos como o Farol da Barra, o Pelourinho e o Mercado Modelo. Podem dar verdadeiras aulas de civilidade, história, geografia e tudo mais que possa agregar velocidade ao processo de desenvolvimento da nossa gente e nossa cidade.

A idéia é ouvir além do REBOLATION, o EDUCATION, além do LOBO MAU VAI TE COMER, O LOBO MAU VAI TE ENSINAR, além do VALE NIGHT, O VALE SAÚDE e além do RELAXA NA BICA, o RELAXA NO PORTO DA BARRA.

O espaço musical ficaria mais democrático aumentando sobremaneira sua importância no processo de desenvolvimento da nossa cidade. Um movimento cultural mais atraente, mais abrangente e socialmente correto.

Para coroar a qualidade e o excelente papel social destas canções seria justo reconhecer a consciência dos seus autores através de uma grande premiação ao final da folia. Compositores e bandas estimulados à criação de obras culturais com conseqüências nobres. Dá para imaginar o efeito positivo destes “hits” no subconsciente da nossa gente?

Para os blocos e camarotes a idéia é que se juntem em uma campanha para fomentar o FUNDO DA FOLIA durante os dias da festa. Calma, não é o FUNDO DA FOLIA das latinhas! É um fundo “monetário” criado exclusivamente para financiar algum projeto previamente elaborado e aprovado durante o planejamento dos próximos carnavais.

Primeiro daria um nome à folia. É o CARNAVAL CONCEITO! Por exemplo, CARNAMBIENTE, o CARNASAÚDE, o CARNALIMPEZA, o CARNAESPORTE e por ai em diante.

Cada bloco e cada camarote incentivaria seus foliões a doarem qualquer valor destinado à causa daquele ano. Isto poderia ser amarrado inclusive no ato da compra das camisetas ou abadas. Também entrariam nessa os artistas, empresários e patrocinadores.

Se cada um colaborar com o valor de três ou cinco cervejas ao longo de toda a festa, certamente o fundo arrecadado dará para construir um posto de saúde, um ginásio de esportes ou uma escola em bairros carentes da cidade, a cada ano. Falei em três ou cinco latinhas de cerveja durante toda a festa, nada mais…

Poderiam nossos empresários do carnaval fazer as camisetas e abadas de seus foliões com motivos educativos ou ainda produzir fantasias como as alas das Escolas de Samba do Rio de Janeiro. Os FILHOS DE GANDHY e as MUQUIRANAS são bons exemplos. Chega de camisetinhas sem graça e cheia de marquinhas de empresas patrocinadoras, isso é muito pequeno para a grandeza da nossa festa.

Com músicas e visuais temáticos o desfile dos blocos será um verdadeiro espetáculo e a cidade sairá ganhando com grande reforço na área cultural e educacional.

Aos patrocinadores, vou exemplificar com as poderosas cervejarias. Primeiro que só apoiaria blocos, camarotes e empresas de comunicação comprometidos com o bem estar da nossa cidade. Depois incentivaria a coleta de latinhas através de campanhas do tipo “traga 5 latinhas e leve uma cerveja grátis”. As pessoas iriam se preocupar em juntar o material para devolver em local adequado com destino certo por meio de acordos com cooperativas de catadores e afins. As garrafas pet também entram nessa.

Queria ver uma latinha ou garrafinha jogada pelo chão, ou ao mar. Não veríamos mais o FUNDO DA FOLIA que marcou o carnaval de 2010.

Outras idéias como a criação de coletores de lixo com design arrojado, como verdadeiras obras de arte e funcionalidade a toda prova também seriam muito oportunas em grande numero pelas áreas do circuito.

Fundamental é ter ações inovadoras, diferentes e sinceramente benéficas para nossa cidade. Isso seria de uma inteligência tamanha capaz de sensibilizar até os que são contra as bebidas alcoólicas.

Aos poderes públicos ousaria criando um AXEZÓDROMO ou um TRIOELÉTRICÓDROMO para evitar danos em áreas sensíveis da nossa cidade, como a Barra, por exemplo, que possui sítios históricos carentes de proteção e é excelente atração turística com potencial altamente retraído. O carnaval cresceu demais e precisa se adequar aos novos tempos.

Lançaria o AXEZÓDROMO ou TRIOELETRICÓDROMO no Centro Administrativo da Bahia, o CAB, onde não há expediente nesta época, não há comércio que tenha que fechar suas portas, não há hospital que tenha que adoecer pelo barulho, não há residências em pânico pela sujeira, violência e tumulto em suas portas, e não há praia para receber o FUNDO DA FOLIA.

O que existe por lá são ruas largas, espaço para estacionamento, facilidade de acesso, facilidade de limpeza e conservação, nenhum patrimônio histórico, espaço de sobra para camarotes e para a concentração dos trios, e uma localização central na cidade que em nada atrapalharia sua rotina.

Vejam que amadureci minha idéia em relação ao AXEZÓDROMO ou TRIOELÉTRICÓDROMO. Antes sugeri a Avenida Paralela, porém, agora, após analisar melhor, vejo que o CAB é a solução perfeita!

Os orgãos públicos só precisam cumprir e exigir o cumprimento da lei. O CARNAVAL CONCEITO será um modelo de parceria público-privada completamente moderna e exemplar que vai exigir bom senso e transparência. Uma oportunidade rara para gerar benefícios reais e permanentes para a cidade.

Aos foliões, nada de muito diferente. Apenas alertaria para evitar jogar lixo e fazer xixi pelas vias públicas. Tenho fé que em 2011 isso vai dar detenção e multa de pelo menos o valor de 100 latinhas de cerveja por cada mijão e 10 latinhas para os sujões. Xixi e lixo também vão gerar renda para o novo FUNDO DA FOLIA.

Estão aí as minhas idéias. Já havia mencionado algumas delas em outras matérias, mas não custa relembrar. Acho que são plenamente possíveis.

O FUNDO DA FOLIA que manchou o carnaval de 2010 poderá muito bem se tornar o FUNDO DA FOLIA que transformará nossa cidade a partir de 2011. Basta que os donos do carnaval demonstrem que se importam de verdade com o bem estar e qualidade de vida da nossa gente.

Pode parecer piada, mas credito nisso!

25 thoughts on “Após o FUNDO DA FOLIA

  1. Bernardo,que horror isso!,se vendo tuas fotos ja fico P&*&* da vida,imagino como tu nao devas ter ficado!!,mas eu vou mais além,ñ penso que só as musicas de carnaval e em época de carnaval devam ter um “apelo” educacional,eu penso que as novelas e os BBBs,enfim,programas q o povão “porcalhão” adóra,deveriam ser obrigados a ter SEMPRE varias menssagens educativas,(haja vista q tudo que veicula nestes programas vira “moda”,”dito popular”..),mostrando todos usando sacola de tecido,em tdas as casas os lixos sendo separados(seco/org),pessoas só usando bicicleta,enfim,novos habitos,pra ir entrando aos poucos na conciencia das pessoas..tenho certesa de que,”de gotinha em gotinha..”..abraço

  2. meu caro Bonga, vc sempre nos traz novos pontos de vista sobre os assuntos mais batidos e dessa forma nos faz repensar o que ja havíamos deixado de lado. Com textos muito bem escritos e com ideias que realmente nos fazem pensar em como nosso cotidiano pode mudar com pequenas atitudes e um pouco de consciencia social. espero que dessa forma educada e organizada, os “populares carnavalescos” sintam-se motivados, pela humildade ou pela vergonha, a tomar novos caminhos antes que nosso carnaval se torne apenas a festa dos bandidos e porcos (politicos, empresarios, patrocinadores e foliões) que não aprenderam ainda o valor da educação e da cultura para o desenvolvimento da sociedade coletiva.

    vc é o cara que tá abrindo essas mentes pobres.
    grande abraço.

  3. Acredito mt nessa ideia, vi no Mosaico e achei super legal. Qdo vi aqui de novo, nossa! Te dou o maior ponto.
    Mesmo que seja uma ideia romântica, q desencadeie o pensamento de “gotinha”… mesmo assim, acho mesmo q a gente deve por a boca no mundo. Alguém ouve e passa a diante e, quem sabe, n se toma alguma atitude?

  4. Bernado,
    Suas idéias são maravilhosas, representa o sonho e o desejo de muitos dos moradores de Salvador que se sentem lezados pela falta de higiene e de segurança que desta festa mau organizada, isso sem falar nos prejuizos aos aparelhos e monumentos de valor histórico do bairro da Barra …
    Vamos afzer como foi feito com o post do Fundo da Folia e ecoar estas idéias de um Carnaval Conceito para todos e torcer para que chegue até as pessoas que possam comprar a idéia e realmente fazer do carnaval baiano a festa mais bonita do mundo …
    Grande abraço!!
    Rodrigo Maia-Nogueira

    • Grande Rodrigo! Fico honrado por comentário tão positivo da sua parte. Sou admirador do seu trabalhoe das suas ideias. Alguém que milita na área ambiental com experiência tão salutar deve ser reverenciado pelos demais que brigam pela mesma causa. Por isso fico feliz pelo seu post! E vamos nessa com o projeto PORTO LIMPO, PORTO LINDO do qual vc é um dos grandes responsáveis. Estamos juntos. Abço, Bernardo Mussi.

  5. Muito bom! A sua energia é criativa e muito construtiva Bonga, vamos reverberar essa energia boa. Educação pode ser conseguida através de aplicação de LEI, por exemplo: quem usava cinto de segurança antes de receber uma multa? Como se criar uma LEI que eduque o MIJÃO e o SUJÃO? É por aí, creio. Boas energias sempre!

      • Lei, pode ser Federal, Estadual ou Munincipal. Agora é saber qual o político sensível a esta causa.

      • O problema não é político sensível pois acredito que todos sejam, lá no fundo de suas consciencias. O problema é qual o político ousado, verdadeiro e realmente solidário com a cosntrução de uma cidade mais igual, mais justa e educada. Tá difícil visualizar um nome neste esquema político que vemos por aí. Tá difícil…Abço, Bmussi

  6. Legal, Bonga! As boas ideias precisam mesmo ser espalhadas e repetidas por ai tanto ou mais que os refroes de gosto duvidavel… E a repercussao so mostra que há bons ouvidos para isso, ainda bem! A ideia do FUNDO é muito interessante e acho facil de pegar. Talvez começando por algum empresario ou artista de visao que possa ja adotar logo isso independente das decisoes politicas…

    • Legal Maira! É bom ter sua opinião por aqui. E ficamos no aguardo de que a divulgação em massa destas e outras ideias possa chegar aos ouvidos de alguns dos donos do carnaval para, quem sabe, termos o prazer de ver ações realmente positivas. Vamos em frente e valeu o post. Abço, Bernardo Mussi.

  7. Sao exelentes suas ideias e atitudes de dedicar seu tempo eu pro do bem estar de todos nós.
    Sinto q os nossos governates que deveriam ter atitudes e estes nao estao nem ai.
    O pior é que nao temos opção de em quem votar pois o sisitema ja esta contaminado. Fico realmente incomodado de viver em uma cidade em que o povo é mal educado no transito , nas ruar nas praias e a cada dia esta ficando pior.
    Na minha opiniao em relaçao ás praias de Salvador seria de retirar todas as barracas da areia e vendedores de qualquer produto.
    Seria uma medida de preservação ou melhor de SALVAÇÂO pois ja esta muito alem do que podemos chamar de aceitavel.
    Os moradorers da praia do porto por exemplo, fazem suas necessidades nas escadas e areia da praia A PREFEITURA MANDA LAVAR COM O CARRO PIPA TODOS OS DIAS mas esta sejeira vai para a areia que é onde nossos filhos estao brincando de fazer castelos.
    Meu amigo vc é meu parceiro a anos e espero que elguem possa ajudar a salvar nossas prais e nos dar a opção de tomar um banho e pisar na praia como antigamente.
    Eu pagaria 10,00 para ter acesso a praia do PORTO DA BARRA ou qualquer outra para puder desfrutar de uma praia e areia limpa e com um chuveiro como ja existe em varios estados do nosso Brasil.
    Um abraço e pode contar comigo para outras açoes.
    Zé Augusto

    • Grande Zé! Já está no forno a ideia da privatização de algumas praias da cidade rsssss… Falta coragem para postar… Mas vamos ver a repercussão desta última matéria e aí, quem sabe?
      Estamos juntos e fico honrado por ter voce como um dos personagens principais na ação do FUNDO DA FOLIA. Amigão de 30 anos… Abço. Bmussi

    • Amigo taverneiro, o senhor é um cara com grandes idéias que merecem nossos aplausos. Realmente, se cada trio que resolver para por conta dos jogadores de lixo e dos mijões, o bicho vai pegar. Vai ter efeito melhor que qualquer lei. Além do risco de o cara ser linchado, o constrangimento seria de um efeito impressionante. Vamos em frente viajando com nossas ideias e nossos sonhos. Quem sabe alguém com poder e influência seja iluminado para ter ousadia e tomar as atitudes que tanto a população esclarecida almeja. Valeu, e esta semana te faço uma visita para saborear aquele MONTANHES… Abço, BMussi

  8. Tornardinho.
    estou muito orgulhosa pela sua ação para a conservação da nossa praia.PARABÉNS !
    Estou aqui com Gabriel e “vivendo” de saudade!
    Breve “darei uns amassos” na família trapo…
    Beijos para todos. Já estou cansada de catar milho.
    Mamãe.

    • Amada Mãe! Fico orgulhoso por receber elogios de alguém que me fez o homem que sou hoje. Sei que foi difícil para a senhora, mas aqui estou… E como bem a senhora sabe, vou sonhando com minhas viagens por dias melhores. Obrigado por ter me iluminado em minha jornada até aqui. Tenho orgulho de ter pais e familia maravilhosos. Beijão e, salve nosso prainha amada do Porto da Barra! Com eterno amor e gratidão, seu filhote, Bernardo Mussi.

  9. Rodrigo,

    tenho feito uso daquelas fotos “FUNDO DA FOLIA” em palestras de sensibilização em Educação Ambiental pela Bahia a fora. Acredito que NÃO adianta “apenas” que o Poder Público faça investimentos em infra-estrutura ou aplique punições sobre aqueles que cometem estes absurdos contra o meio ambiente, é de EXTREMA importância que a sociedade civil assuma também a responsabilidade e cuide do ambiente em que esta inserido. “Jogar Lixo no Lixo, Não Fazer Xixi na Rua” atitudes simples, que tanto falamos e pouco se faz.

    Desejo que estejamos no caminho certo.

    Parabéns por sua atitude!

  10. Boa tarde
    As Televisões do Brasil deveriam investir mais em Programas EDUCATIVOS.A violência na TV, gera mais violência, isto é comprovado em toda a mídia mundial.

  11. Boa tarde
    O Trânsito brasileiro é um CAOS.Falta fiscalização, falta educação de motoristas e pedestres.O índice de 35000(Trinta e cinco mil mortes)por ano é triste e lamentável.Até quando? Há consciência de quem é motorista e pedestre destes dados ?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s