O FUNDO DA FOLIA

O fundo da folia

Dez dias após o carnaval, resolvi mergulhar com dois amigos na área do Farol da Barra para confirmar a notícia de que havia uma quantidade absurda de lixo espalhada pelo fundo do mar naquela área.

O fundo da folia

Mesmo com a água um pouco suja por causa das chuvas do dia anterior, logo identificamos o local. Na verdade o lixo não estava espalhado, mas concentrado em um canal provavelmente em razão do movimento das marés. Uma cena lamentável! Eram pelo menos mil e quinhentas latinhas metálicas e garrafas plásticas.

O fundo da folia

Da superfície o visual parecia com as imagens áreas que vemos dos blocos de carnaval durante a festa momesca. Só que ao invés de estarem pulando, dançando e se beijando ao som frenético e ensurdecedor dos trios elétricos, os foliões do fundo do mar estavam rolando de um lado para o outro numa mórbida coreografia, empurrados silenciosamente pelo balanço do mar, sem dança, sem alegria, sem vida e sem poesia.

O fundo da folia

Assustados, decidimos não retirar o material naquele dia na esperança de tentar sensibilizar algum veículo de comunicação para fazer uma matéria com imagens subaquáticas. A intenção era compartilhar aquela agressão carnavalesca com nossa população e os donos da folia.

O fundo da folia

Fizemos contato com pelo menos três emissoras e todas pediram que enviássemos e-mails com fotos, o que fizemos imediatamente. Aguardamos respostas por dois dias e como não tivemos qualquer retorno, optamos por retirar o lixão de lá para evitar maiores danos.

O fundo da folia

O fundo da folia

A bem da verdade estávamos super desconfortáveis com nossas consciências por termos testemunhado aquela cena e deixado para resolver o problema dias após. Mas tínhamos que tentar a matéria para que a ação não se resumisse somente à coleta do material.

O fundo da folia

O fundo da folia

Tínhamos em mente que a repercussão sensibilizaria os empresários e artistas do carnaval, os órgão públicos, a imprensa, as empresas financiadoras e nossa gente. A tentativa foi boa, mas não rolou…

O fundo da folia

Fomos então, no terceiro dia após o primeiro mergulho, retirar o material. Antes, porém, fiz questão de chamar um amigo que tem uma caixa estanque para filmarmos a ação e guardarmos o documentário visando trabalhos futuros e até mesmo a matéria que queríamos na TV.

O fundo da folia

Sem cilindro de ar e contando apenas com duas pranchas de SUP (Stand Up Paddle) e alguns sacos grandes, éramos quatro mergulhadores ousados retirando do fundo do mar tudo o que podíamos naquela tarde.

O fundo da folia

O fundo da folia

O fundo da folia

Pouco antes de o sol se pôr conseguimos finalmente colocar todo o lixo na calçada.
Muitos curiosos, inclusive turistas, olhavam intrigados a nossa atitude e a todo o instante nos questionavam sobre a origem daquele resíduo. A resposta estava na ponta da língua: Carnaval!

O fundo da folia

Vou logo informando aos amigos leitores que não sou contra o carnaval, muito pelo contrário, sou fã por diversos motivos, mas acho que a realidade da festa não guarda a menor relação com as belíssimas cenas, as informações rasgadas de elogios e a excessiva euforia amplamente divulgada pela mídia.
Sei que o comprometimento com os patrocinadores e aquela velha guerrinha de vaidades contra os carnavais de outros estados como Pernambuco e Rio de Janeiro, acabam conspirando para isso. Mas vejo aí um modelo cansado, super dimensionado, sem inovações socialmente positivas e remando na direção oposta ao desenvolvimento sustentável da nossa cidade.
Aquele lixo submarino é um pequeno sinal deste retrocesso. Pior, patrocinado solidariamente pelos grandes empresários, artistas e principalmente pelo poder público que tem o dever de melhorar nossa segurança, nossa saúde e educação.

O fundo da folia

O fundo da folia

O fundo da folia

Aproveito o embalo para incluir indignação semelhante sobre os eventos realizados na praia do Porto da Barra durante o verão.
O “Música no Porto” e o “Espicha Verão” não tem trazido nada de bom para nossa cidade, além da oportunidade de vermos ótimos artistas de perto e de graça. De resto, o lixo, o mau cheiro, a degradação ambiental, o xixi pelas ruas, a impressionante quantidade de ambulantes amontoados por todos os espaços públicos e a agressão aos patrimônios históricos, são um grande “pé na bunda” do turista de qualidade.

Espicha Verão. Foto: Manuela Cavadas / Agência A Tarde

Show de Juan e Ravena  começou cedo para público que estava na praia. Manuela Cavadas / Agência  A Tarde

Show de Jussara  Silveira foi um dos mais esperados da noite pelo público. Luciano da  Matta / Agência A Tarde

É o mesmo que olhar para uma bela maçã com a casca brilhante e aspecto suculento, porém, apodrecida por dentro…
Naquele final de tarde acabamos contemplando um por do sol diferente. O monte de lixo empilhado na calçada do Farol da Barra virou atração. E como Deus é grande, fomos brindados com a presença de valorosos catadores de rua para finalizar a limpeza.

O fundo da folia

Desta ação, além das ótimas imagens documentadas em vídeo, resta rezar para que os donos do carnaval, dos eventos no Porto da Barra e nossos queridos foliões se toquem que algo tem que mudar.

O fundo da folia

O fundo do mar não merece aquele bloco reluzente e, ao contrário do asfalto, o oceano costuma revidar violentamente as agressões sofridas.
Não tem alegria alguma no fundo da folia!

O fundo da folia

Fotos: Francisco Pedro / Projeto Lixo Marinho – Global Garbage Brasil
Fotos do Espicha Verão: Manuela Cavadas e Luciano da Matta / Agência A Tarde

230 thoughts on “O FUNDO DA FOLIA

  1. Mestre, amigo e irmão Bonguinha das Candonga,
    testemunhei a grande quantidade de latinhas de cerveja no fundo do mar do Farol, no dia da nossa remada.
    Além da sujeira do Carnaval, não podemos esquecer também da sujeira lançada ao mar pelas pessoas que ficam naquele local, em seus potentes iates, vendo a queima de fogos na noite de ano novo.
    “Comeno” água e jogando tudo no mar.
    Vamos também alertar quanto a isso.
    Abração,
    João Nova.

    • Recebi o link com essa matéria! Fiquei muito feliz com atitude de vcs…parabéns…entretando espero que não seja mais necessária fazê-la, quem sabe um dia, pois todos estaremos conscientes da nossa responsabilidade ambiental.

  2. Nossa Bernardo, acompanho as discussões na lista da Biota, por isso vim dar uma espiadinha em seu blog é muuuuito lixo mesmo, imaginava, mas não tinha esta noção, Parabéns pela iniciativa!!!
    Abraços

  3. Bernardo,

    Três coisas me deixaram indignada.

    A primeira foi a falta de educação das pessoas que jogam seus lixos em qualquer lugar, não importa o nível social delas, parece que pensam que os cursos d´água, os mares e as matas são grande cloacas nas quais eles podem depositar todos os seus resíduos.

    A segunda é o descaso do poder público para com tal fato e a negativa em tomar alguma atitude em favor da manutenção da limpeza em tais locais. Creio que pensam que o lixo fica escondido e, como tal, livre da ira da população consciente, afinal, foram retirados do fundo do mar uma boa quantidade de lixo e parece-me que não foi tudo retirado, deve ter muita coisa em outros locais, penso eu.

    Por último, o descaso da imprensa. Será que os veículos de comunicação estão de rabo preso com o poder público, com as empresas organizadoras do carnaval e com os patrocinadores?

    De qualquer forma, nos sobra a internet. Continue na luta porque se nada fizermos…

    Um abraço

    Izabel Delmondes

    • Valeu Izabel, certamente temos alguma dificuldade para tratar estas questões ambientais que na verdade são também relacionadas a saude e educação. Mas vamos insistindo…
      Quanto ao lixo, certamente devem existir outros focos e vamos em busca deles. Valeu o apoio e mantenha contato para engrossar nosso humilde coro…Aloha!

  4. Bernardo, vi este post e me interessei pelo tema. Sou repórter do Jornal A TARDE e queria entrar em contato os responsáveis pela iniciativa. Isso dá uma boa matéria. Os meus contatos são: 9984-5418 ou 8222-2491

  5. Bernardo,
    Recebi um email divulgando sua iniciativa e repassei para meus contatos. Dias depois vou ler um site de notícias – Bahia Notícias – e fico supresa com um erro.

    Veja o erro:

    http://www.bahianoticias.com.br/noticias/noticia/2010/03/09/58829,lixo-do-carnaval-polui-mar-de-salvador.html

    “A bióloga Samantha Nery Grimaldi, que ajudou a coordenar ..”

    Como você sabe, eu não coordenei, apenas ajudei a divulgar o fato na maior rede de comunicação – os emails.

    Ao mesmo tempo fiquei feliz em poder ter ajudado a sensibilizar um grande veiculo de comunicação, Bahia Notícias, em divulgar e compartilhar essa agressão carnavalesca com nossa população e os donos da folia.

    Então, segue uma cópia do email que enviei ao repórter Rafael Rodrigues.

    Prezado Rafael Rodrigues,

    Parabéns pela reportagem.

    Venho por meio desta solicitar uma correção, pois quando li sua notícia fiquei surpresa com o seguinte erro:

    “A bióloga Samantha Nery Grimaldi, que ajudou a coordenar ..”

    Eu não coordenei, apenas ajudei a divulgar o fato na maior rede de comunicação – os emails.

    Ao mesmo tempo fiquei feliz em poder ter ajudado a sensibilizar um grande veiculo de comunicação, Bahia Notícias, em divulgar e compartilhar essa agressão carnavalesca com nossa população e os donos da folia.

    Atenciosamente,

    Samantha Nery Grimaldi.
    Bióloga.

    Então Bernardo, parabéns pela sua iniciativa e estou feliz em poder ter te ajudado a divulgar e assim obter resultado com uma simples divulgação em emails.

    Um abraço
    Samantha Nery Grimaldi

    Bióloga
    tel:(71)91229267

  6. Já tinha tomado conhecimento das fotos pela net,agora lí o texto.Parabéns Bernardo por seu trabalho,a natureza agradece,nós agradecemos,o planeta agradece!
    Já passou da hora de tomarmos consciência de quanto o nossa “casa” vem sendo maltratada,danificada etc…
    Agora falando sobre o carnaval e seus resíduos,é lastimável que os empresários da “folia” só visem $$$$ e o poder público os acompanhem.

  7. ESTÁS DE PARABÉNS PELA INICIATIVA!
    SE CADA UM FIZERMOS UM POUQUINHO, A GENTE CONSEGUE CHEGAR LÁ!
    REPASSAREI O EMAIL COM AS FOTOS AOS MEUS CONTATOS PARA QUE TODOS TOMEM CONHECIMENTO!

  8. Oi Bernardo,

    É realmente impressionante!

    Além de lhe dar os efusivos parabéns pelas iniciativas de documentar e também de resolver o problema, envio-lhe uma sugestão.

    Que tal contactar os fabricantes dos produtos fotografados (já que estes estavam causando a poluição) e convidá-los a ter uma atitude mais pró-ativa: Estimularem seus consumidores a jogar o lixo no lixo (em seus comerciais) e também patrocinarem uma operação de limpeza após cada evento desses (destinando uma verba para bancar a operação).

    É sempre bom lembrar que, segundo a legislação ambiental, cada fornecedor é co-responsável tanto pela origem como pelo destino final de seus produtos. Fica a sugestão.

    Parabéns!

    • É isso aí! A intenção do texto foi justamente esta, fazer as pessoas refletirem sobre os problemas e bolarem ideias, sugestões e ações. Vale aí a criatividade e a inovação para que possamos avançar estágios e abreviar a conquista daquilo que imaginamos ideal. As idéias são ótimas e quem sabe os empresários tomarão conhecimento em breve. Esta matéria está circulando o planeta, para meu espanto! vamos em frente! Abço, Bmussi

  9. Olhei essas fotos rindo (irônico). Escuto constantemente as pessoas dizerem “não vou nessa praia pq é suja” e elas msm contribuem por esse fato. Eu fico intrigado pela quantidade de porcos q tem por aqui. Vi um fato uma vez no ônibus de um garoto q deveria ter por volta dos 5 anos, era estrangeiro, e ao comprar uma bala pegou a embalagem e levantou-se do seu lugar e foi até a lixeira q fica lá na frente, dentro do ônibus em quanto sua mãe o chamava pelo fato do ônibus estar em movimento e ao retornar falando inglês com a mãe disse “As pessoas daqui não fazem isso.” E na moral usar o argumento “Existe gari pra isso” Vai ser fútil na…

    • Rsssssss… É isso mesmo. Temos muito que andar para chegarmos a um mínimo ideal. E coisas desta natureza, o exemplo que colocou, atualmente soam como algo quase impossível de se ver nos próximos 20 anos. Daí a responsabilidade não só do poder público mas também, e principalmente, das pessoas que tem enorme acesso a midia para minorar este prazo. Daí o foco do texto que escrevi. Valeu amigão, vamos em frente…BMussi

  10. Compartilho a minha indignação com toods os que escreveram. Também adoro carnaval, mas sei que temos que fazer algo para que se junte folia e preservação do meio ambiente.

    PArabenizo a Mussi pela iniciativa de recolher as cinzas do carnaval. E divulgarei seu site a minha lista de amigos.

    Fernanda Nunes PAes

    • Mais uma voz para se juntar ao coro de insatisfeitos. Já pensou no carnaval e nas outras festas como ferramentas de desenvolvimento social? Músicas educativas, coreografias sem apelo, materiais reciclados nos trios, patrocinadores financiando ações positivas, nossa gente se educando… Um dia vai rolar… Valeu o post. BMussi

  11. Olá!
    Li seu texto agora num e-group do qual faço parte e fiquei muito feliz em saber a autoria. Conheci um Bonga há muito mais de dez anos, e depois ele me disse que seu nome era Bernardo Mussi.rsrs. Na época, eu tava na faculdade de Direito e acho que vc tb tinha acabado de entrar.
    Bom “vê-lo” de volta e pode me considerar mais uma disseminadora das suas idéias.
    Bjão

    • Rssss…Faz um bom tempo, né??? valeu a participação e fico feliz por ter achado a matéria legal. E a repercussão foi muito, mas muitíssimo além daquilo que eu imaginava. Que bom que as pessoas se tocaram que algo tem que mudar na folia. Uma questão social… Vamos nos falando. Abço, BMussi

  12. Muito bom trabalho, parabéns pela iniciativa!

    Pena que o poder público não é sensibilizado com a causa, o que nos resta é passar adiante sua matéria por meio de e-mails, para tentar sensibilizar a população, das diversas classes sociais para que tenham maior comprometimento com o meio ambiente.

    • É isso, mas um dia isto mudará e o nosso papel nesta empreitada é tentar acelerar a chegada deste dia. temos que tentar ver esta realidade ainda na nossa geração. É possível! Vamos em frente e valeu o post! Abço.

  13. Excelente iniciativa!
    Parabéns!
    Sou apologista do cuidado antes, durante e depois das festas!
    A prevenção e cuidado antes; a educação e limpeza durante e a manutenção após, seria perfeito.
    O mar não é o lixo do mundo e é uma pena que alguns/tantos nem percebam que durante o carnaval ao menos as latas já teem destino, bastava deixar ali no canto do passeio!
    Abraços.

    • Também compartilho a ideia de não se combater os efeitos, como catar as latas do mar após a folia, mas, sim, as causas que estão relacionadas a educação das pessoas para jogarem as mesmas em local adequado. E isso deve ocorrer em conjunto com todos os atores do carnaval. Valeu a força!

  14. Parabéns a todos aqueles que tiveram essa iniciativa e ajudaram!
    Agora cabe a nós divulgar para o maior número de pessoas. Mas podemos ajudar de outras formas também, como diminuir o consumo de plásticos levando caneca para o trabalho, utilizando aquelas sacolas biodegradaveis ou de pano no supermercado..

    De novo Parabens!
    Bjos

  15. Parabéns pela iniciativa…

    Ainda bem que existem pessoas como vocês, que se disponibilizam para contribuir por um Meio Ambiente melhor para nossa geração e gerações futuras, “limpando” essa imundice que muitos parecem não ter noção do que estão fazendo.

    Mais uma vez meus parabéns, com atitudes como estas, com certeza conseguiremos sensibilizar e educar muita gente…

  16. Bernardo, PARABÉNS!!! Recebi o e-mail com as fotos, de um amigo de recife. Moro em aracaju e sempre que posso vou a salvador, e é uma pena ver o Porto da Barra tão sujo. Infelizmente, a falta de educação existe. Parabéns pela iniciativa.
    Abraço.

  17. Olá Bernardo,

    Quisera ter tido acesso a essa postagem,antes de decidir retornar para meu estado.
    Vim para Bahia,Guarajuba,com a melhor das intenções possíveis…com idéias ótimas de preservação ambiental e principalmente,marinha.Me identifiquei com este lugar e vi a grande possibilidade de trabalhar nele.Durante 1 ano e meio fiz um trabalho “solitário”,sem ligações com entidades ou outros órgãos,fiz com amor,carinho…recebi até um título com intuito pejorativo..”gari de praia”…sabem eles,os que assim me chamavam,que eu tinha o maior orgulho e satisfação do que estava fazendo…numa área não mais de 1,5km ,desabitada parcialmente,sem barracas de praia,com fluxo pequeno de veranistas,eu recolhia até 300lt de lixo.Uma quantidade imensa,pelo perfil do local.
    Fui taxada com N adjetivos,pois tentava através do diálogo,uma conscientização de preservar um lugar tão ímpar e com vidas marinhas em reprodução.Absolutamente ninguém aderiu ao meu trabalho…parabéns? recebia muito e não gostava,pois minha proposta não era receber elogios e sim achar adeptos,pessoas que deixassem de empinar o nariz e tivessem sensibilidade de perceber o qnto tdo isto aqui é grandioso …pessoas que eu chamo de “acéfalos”….uma lástima ver o povo destruindo uma natureza tão pródiga…
    Desisti…estou retornando…sabendo que um pouco de mim ficará neste lugar q carinhosamente eu chamava de “meu cantinho”

    • Esse é o sentimento da maioria das pessoas bem intencionadas. Não podemos e não devemos esperar nem um elogio sobre nossas ações. Devemos é partir para o campo com a cabeça limpa, o coração aberto e a consciencia de estarmos fazendo o melhor para aquilo que acreditamos ser o ideal. Não se deixe levar pelas forças negativas externas. Para onde quer que vc vá leve esta expeiência, a alegria e o prazer de ter feito algo muito positivo. Lembre-se: somos brasileiros e não desistimos nunca! Até porque desistir dos sonhos é deixar a vida menos interessante. Vamos em frente…Valeu post. BMussi

  18. Muito legal a sua iniciativa!

    Vi hoje na televisão, na record. Infelizmente apareceu nem 5 segundos, mas gostei muito!

  19. B…
    Se de alguma forma ajuda,eu possuo fotos que retratam
    o descaso com o meio ambiente e com a vida marinha.
    Pode me contatar.
    Abr,
    roseane

  20. Tomei conhecimento através de email, e quero parabenizar não só pela idéia de divulgar assim como pelo espírito de cidandania e amor as coisas da natureza.
    Sou do tempo que carnaval era uma festa do povo(saia no bloco do jacu), hoje a festa é do empresariado ganancioso, de artistas oportunistas e com o aval do poder publico.
    carnaval neste modelo só faz é acabar com umas das melhores coisas que nosso povo tem – a expontaneidade de expressar sua alegria.
    Iniciativas como a sua só nos faz acreditar que temos pessoas ainda conciente e que nos levam a focar num horizonte desprovido de interesse maior , que não seja aproveitar aquilo que temos de melhor a natureza.
    Parabéns e continue assim, pois com certeza dias melhores virão.
    Grande abraço

  21. Olá,
    recebi as imagens por e-mail. Domingo passado tive a infeliz idéia de ir à Praia do Porto da Barra, a qual estava um verdadeiro lixão após mais um show do Projeto Espicha Verão. Não sou contra a promoção de eventos culturais, no entanto, este tipo de evento só está trazendo danos ao local. O mar fedia, havia muito muito lixo na água e como não há muitas ondas , o mesmo é mais difícil de ser retirado pelo próprio mar.Acabei retirando garrafas PET e latinhas juntamente com um senhor que estava com um caiaque. A falta de conscientização da população é imensa e independe do nivel sócio econômico (já vi muita gente que estava em lancha jogando lixo no mar, latinhas de cerveja sendo jogadas pela janelas de carros luxuosos).
    Fiquei feliz hoje de ter visto a reportagem publicada no site do Terra. Parabéns pela iniciativa e pela repercussão!! Abraços, Glaucia

    • Glaucia, fico feliz por vc dar seu testemunho sobre o assunto, em relação ao Porto da Barra. Este lugar ímpar no planeta, assim como o Farol da Barra e outras riquezas históricas e culturais que temos em Salvador, não precisam de nada para projetá-los, além de um cuidado mais sincero. Estes lugares já são verdadeiros palcos naturais da natureza ( a redundancia é proposital) e não precisam de evento algum para destacar suas belezas. Pelo contrário, o dia a dia destes monumentos, por si só, já são eventos grandiosos. Cada por do sol…. Valeu e vamos em frente.

  22. Excelente matéria. Precisamos de mais iniciativas como essas para ajudarmos o meio ambiente. Espero que sirva de exemplo e que iniciativas isoladas aos poucos tornem-se coletivas!
    Abraço da galera da EasyDrop Surf Camp – Itacaré/BA

  23. Parabéns pelo belissímo trabalho, fico feliz em saber que existem pessoas como voce… Vamos continuar nosso trabalho de formigas mesmo que isoladamente, até que chegue o momento espero que não muito tardio que a maioria se junte na preservação da ” nossa casa” O nosso meio ambiente!

  24. Bonga,

    Ativista, você deveria ser reconhecido como padrinho do Porto da Barra. Esta matéria, além de ser educativa, com certeza irá tocar a consciência daqueles mijões, daqueles lixões. É isso aí…vamos propagar para educar. Somos multiplicadores desta informação, autores desta falta de educação. Acho que ainda dá tempo. Ficar com esta matéria parada no computador é que não dá. Com seu trabalho de formiguinha, podemos conquistar o mundo. Bjs, sua irmã

    TACI

    • Imã querida! Gostei do Padrinho do Porto da Barra rssssssss. Valeu o contato, a força e os elogios. Sou uma formiguinha fazendo a parte que me cabe. Acredito que este alvoroço causado pela matéria e fotos seja passageiro porém a dimensão que tomou foi super grandiosa. Daí a esperança de que ao final, sobre algo de muito postivo para ser usado em melhorias necessárias à educação da nossa gente. Os donos do carnaval, das grandes festas e do poder de decisão, além de preocupados com o faturamento, também devem ter um pouco de consciencia. Nem que seja uma fagulha escondida bem lá no fundo de suas caixas encefálicas. E numa dessas é que podemos ver alavancada uma ação realmente positiva, útil, criativa e einovadora. É disso que estamos precisando…Bjão em todos por aí. Seu mano saúva rsssss…. BMussi

  25. PREZADOS BRASILEIROS.

    MAIS DO QUE LAMENTAR A TRISTE OCORRENCIA OU ELOGIA-LOS PELA MERITOSA ATITUDE CIDADÃ, EU ME PERGUNTO – FOCALIZANDO AQUELES QUE JOGAM DETRITOS PELAS RUAS – SE NAS RESPECTIVAS RESIDENCIAS ELES NÃO ESTARIAM TAMBEM DEIXANDO PAPEL HIGIENICO USADO ESPALHADO PELOS PISOS E PELOS CÔMODOS DE SUAS CASAS.
    O QUE NOS FALTA MAIS DO QUE TUDO NESTE NOSSO BRASIL É INVESTIR-SE EM EDUCAÇÃO ( VIDE CORÉIA, VIDE JAPÃO, VIDE CHINA, ETC….ASSIM, NESTE ENSEJO GOSTARIA DE SUGERIR AOS QUE OS LEEM QUE NÃO REELEJAM NINGUEM NO PRÓXIMO MANDATO GOVERNAMENTAL E QUE PRESTIGIEM COM VOTOS TODO E QUALQUER CANDIDATO QUE TENHA COMO META POLÍTICA A EDUCAÇÃO DE QUALIDADE, PARA ACABAR COM OS CURRAIS POLÍTICOS QUE ADVÊEM DA FALTA DELA.
    SOLIDÁRIO COM VOCES, ESPONTÂNEOS BRASILEIROS DE VERDADE, DEIXO-LHES MINHA ADMIRAÇÃO E MEU PROFUNDO RESPEITO.
    AINDA HÁ ESPERANÇA ….

    • Grande Marco Antonio. O que vc sugere é o caminho ideal para que tenhamos resultados realmente práticos e eficazes. O brasileiro tem que saber que as mudanças que tanto almejam, de dimensões macro como em relação ao problema da saúde e educação, só poderão acontecer efetivamente com a mudança de mentalidade dos nosso governantes. E para que isso aconteça, só mesmo escolhendo muito bem tais políticos. O problema é que na hora dos discursos pré eleitorais as propostas são as melhores mas, depois, quando estão em exercício, a coisa muda de figura. Como diz um programa aqui de Salvador, O SISTEMA É BRUTO! Tem que ter muita habilidade para fazer valer as propostas de campanha contra tantos interesses divergentes e obscuro pressionando para o lado oposto. Valeu a força e, vamos em frente…

  26. exelente trabalho,pena que os nossos gorvernantes,tanto o municipal quanto ao estadual não se preocupem com a preservação do meio ambiente,sem falar dos homens do carnaval que só se preocupam em + foliões e $$$,espero que esse trabalho maravilhoso ganhe + repercussão e os meios de comunicação divulgem para que todos tomem + consciência e cuide + do meio ambiente.
    valeu.

    • Um dia, creio eu, isso vai acontecer. Temos que exercer nosso papel e continuar, ao menos, linkando e opinando sobre o tema através desta ferramenta excepcional que é a net. Valeu Rakmus. Vamos em frente…

  27. Bela iniciativa!
    O Carnaval só aumenta o problema, pois a causa principal é falta de educação das pessoas, infelizmente, comum a todo o pais, não importa região ou renda.
    Iniciativas como a de vcs pode não resolver o problema, porem chama atenção, pena que não teve apoio para se tornar mais efetiva.

    • É isso, amiga Rossana. A nossa esperança é abreviar o tempo de espera por iniciativas positivas em relação a tantos descasos. Sabemos que este debate causado pelo texto e fotos é passageiro e logo será esquecido, principalmente quando o próximo carnaval estiver perto de acontecer. Mas enquanto existir esperança por mudanças significativas, temos que continuar falando, opinando e divulgando assuntos desta natureza. Vamos que vamos…

  28. Parabéns é pouco!
    Creio q, com o tempo, Vs poderão mostrar também a parte fétida, em Ondina e adjacências, da podridão derranada pelos esgotos diretamente na praia. Pergunto: a orla foi reurbanizada e vária coisas faltaram,como esta a falta de sanitários com banheiros para dar conforo ao usuário da praia e outras melhorias q não cito para nã aumentar a crítica a “reurbanização”, por que ficou a Orla do jeito q ficou?
    Babo

    • Em uma cidade que não consegue terminar o menor metrô do mundo pode se esperar qualquer coisa. Este é o maior exemplo de como nossos políticos pensam acerca de questões tão importantes para nossa gente. E ninguém foi preso até agora, após 10 anos de completo descaso com o dinheiro público. A orla, a mais esculhambada do país, é mais um exemplo jocoso que nos faz sentir muita vergonha nesta terra santa. Mas vamos em frente…Abço, Bernardo

  29. Parabéns Bernardo. Dar visibilidade a nossos erros permite unir forças pra cobrar de todos nós cada porção de responsabilidade que temos.
    Nos final dos anos 80 para 90 fiz uma “viagem” solitária mergulhando entre o Farol da Barra e o Porto da Barra apenas de óculos, snorkel e pés-de-pato.
    No início me surpreendi com um imenso cardume de tainhas (acho), de mais ou menos uns 30 metros por 2 de diametro, que, quando mergulhava, ficava no meio daquele incrível turbilhão de peixes, que se assustavam ao me ver quando chegavam à minha frente e me colocavam numa espécie de casulo incrível, me contornando. Jamais esquecerei, muito loko…
    Ao chegar nas imediações do Porto, tudo que via era uma areia sem vida, cheia de detritos humanos: garrafas, relógios, carteiras, latas, roupas, pneus… um verdadeiro “lixão”, deprimente!!!
    Agora percebo mais esta aberração. Jé pensou no que poderemos encontrar no fundo do mar na rota dos ferrie-boats!!??
    Deve ser assustador…
    Abraço.Euler

    • Amigo Euler, que bom que vc também jé teve o privilégio de apreciar sem moderação as belezas deste trecho belíssimo da nossa Baia de Todos os Santos. Pela descrição, Vc deve ter visto um cardume de sardinha, xixarro ou pititinga que são caracteristicos nesta área em determinadas épocas do ano. Uma pequena amostra da riqueza da fauna e flora marinha deste lugar que na minha opinião já merecia se tornar o PARQUE MARINHO DOS FORTES da Baia de Todos os Santos. Um sonho que vamos buscar… No trajeto do Ferry, realmente, a coisa deve ser muito feia. Abço e vamos em frente, BMussi

  30. Q horror! Apesar de morar em Salvador, ainda fico chocada com a atitude desse povo.
    Parabéns pelo que vocês fizeram, belíssima atitude e consciência, infelizmente rara.
    Estas imagens estão rodando o Brasil através de emails.
    Parabéns mais uma vez!!!

    • Legal Nathy, e já está sendo traduzido para o inglês, o alemão e o espanhol para chegar mais facilmente a outros países. É bom alertar nossos visitantes…Vamos em frente. Abço, Bernardo

  31. É muita indignação!! Ver as pessoas alienadas em relação ao lixo que produzem. Principalmente quando essa política do “não temos nada haver com isso” vem de projetos culturais. Como agentes de cultura e de arte temos que estar atentos nas possibilidades de provocar a reflexão para uma consciência mais coletiva do espaço que ocupamos. Estou nessa causa! Parabéns pela atitude.

  32. Caro Mussi !

    Inspirador o trabalho de vocês. Estou divulgando-o por todos os meios ao meu alcance.
    Como batalhador pela preservação da Amazônia, só posso louvar e agradecer a iniciativa de vocês com respeito aos nossos mares.
    Se lhe for interessante, responda meu e-mail para podermos trocar idéias sobre nossas porções do meio ambiente.
    Adorei as fotos do Chico Pedro !

    Abração e sucesso na luta pela natureza !!!

  33. Sou de Porto Alegre e morei por seis meses em Salvador (voltando com uma grande vontade de ficar), e fiquei muito indignada quando me perguntavam: “como está Salvador? e a sujeira?”. Eu me indignava porque tem pessoas que parecem achar normal a sujeira, dizer que ela é normal. Gente, isso não é normal, a cidade está assim por causa da ganância do turismo. Não consigo pensar em nada mais. Não me assusta em nada que a imprensa não queira ter mostrado a belíssima ação de vocês, eles ganham pra isso. Há vários tipos de sujeira, não somente aquelas que agridem o meio ambiente. O turismo é essencialmente sujo quando pensado da forma que o é em Salvador. As pessoas que vivem aí tem que se mobilizar o quanto antes, isso é um ponto urgente para a cidade. A internet é um ótimo meio pra isso. Parabéns e continuem fazendo suas partes! Tenho certeza que logo mais muita coisa boa vai acontecer.

    • Amiga Letícia, realmente a situação por aqui está muito feia. Existe uma cultura falseada em padrões e conceitos muito preocupantes. Não deve ser legal fazer xixi na rua, mas a galera parece que tem orgulho de poder fazer esta coisinha liberada por aqui. Não é legal jogar o lixo pelas vias públicas e nosso oceano, aliás, é ilegal, mas que a turma deve achar bom, isso deve. Não há o menor fundamento em se usar os espaços dos nossos maiores patrimonios históricos e culturais, como o Farol da Barra e a praia do Porto da Barra, para colocar palanques e trios em cima destes monumentos, degradando aquilo que temos de maior por aqui, pois estes sem qualquer artifício já são verdadeiros shows a parte. Tem coisa que não dá para entender nos dias atuais. As vezes dá vontade de arrumar as malas e cair fora daqui pois parece que este lugar está ficando muito estranho para mim. Mas sou brasileiro e não desisto nunca! Vamos em frente. Abço, Bmussi

  34. Olá,

    Cada vez fico mais convencida que o Carnaval de Salvador precisa ser revisto com urgência:do lixo visível, aquele das ruas na cidade, ao lixo do fundo do mar, passando pela exploração e humilhação dos mais pobres pelos blocos e camarotes, a favelização nos circuitos,poluição do ar e sonora… nos leva a crer que esse modelo já foi. Vou divulgar esse trabalho de equipe que vcs fizeram com muitas outras pessoas. Internet é para isso.
    Abraços

    • Grande sacada Nirlene. É preciso colocar na balança os banefícios e malefícios do carnaval e de outras festas realizadas em nossa cidade. Certamente, se houver uma ótica social, focada no desnvolviemento sustentável da nossa terrinha santa, creio que muita coisa tem que mudar, e urgentemente. É minha opinião. Valeu a força e mande ver na divulgação. Vamos em frente! Bernardo

  35. ABSURDO – nada mais! O certo é publicar isso no máximo de veículos possíveis e ainda mostrando as marcas dos produtos. Quemsabe mexe com as próprias empresas que comecem uma reeducação em suas campanhas.
    Tenho um blog. Posso republicar no meu blog?

    • Na hora, pode publicar sem medo. A intenção da matéria e das fotos é esta mesmo: compartilhar uma ação que poderá nos ajudar a abreviar o sofrimento por conta de tantos desmando nesta cidade. Valeu, será um prazer estar no seu blog. Vamos em frente. Abço, Bernardo.

  36. Olá Bernardo,
    Parabéns pelo post e pela iniciativa!
    Em fevereiro fiz um post sobre o Carnaval e citei essa história que me havia chegado por e-mail. Coloquei c link p tua página e teus créditos. Pode continuar lá?

    Abraço
    Laise

  37. Parabéns!
    Excelente o trabalho de tentar conscientizar as pessoas com esse gesto dramático e até arriscado. Coisas assim nos emocionam e batem fundo na nossa consciência. Apenas acho que vocês deveriam ter citado os nomes das empresas de TV que não se interessaram. Assim a gente ficaria sabendo mais um pouco sobre a preocupação com o sentimento de cidadania dessas emissoras. A propósito, acho que uma TV pública poderia se interessar.
    Sucesso!

    • Rssss…Certamente seria um dado interessante mas acreditamos que, neste momento, é melhor irmos em frente ainda acreditando que tais emissoras poderão nos procurar para dar o enfoque que a matéria precisa. Vamos em frente. Abço, BMussi

  38. Bernardo,

    Parabéns pela ação. Sou professora e Vou transformar esse material em uma aula, espero conscientizar os adolescentes da necessidade de se respeitar a natureza.

    • É um orgulho saber que esta simples ação está sendo capaz de auxiliar na educação e, consequentemente, na busca do melhor respeito ao meio ambiente. Valeu e se precisar de outros materiais, é só mandar. Valeu e, vamos em frente…BMussi

  39. Parabéns Bernardo, a você e seus três amigos pela iniciativa! Ao receber um email repassado, lendo e vendo as fotos, com certeza se por acaso eu soubesse e fosse convidado, vocês não seriam quatro mas cinco mergulhadores ousados como mesmo disse fazendo aquilo.Acho que o que você escreveu até deu uma aliviada para o que acontece em Salvador.Não sei se eu seria tão polido com o que vejo ocorrer aqui nessa época do “oba-oba”.Li aqui que depois pessoas ligadas à mídia lhe procuraram, finalmente!E é até estranho que nenhum político não tenha aparecido tomando alguma iniciativa “conveniente” para si.Mas graças à Deus, mesmo com tanta falta de educação, tanto descaso e ignorância, ainda há pessoas que têm algo mais no pensamento do que sugar e sugar e nada a oferecer a um planeta que cada dia pede mais e mais CONSIDERAÇÃO E RESPEITO.Estarei honrado se convidado a outras iniciativas como esta, e certo que levarei vários comigo ok.Infelizmente parece que ainda temos que ser surfistas ou mergulhadores para dar mais valos ao mar que nos rodeia. Onde anda a consciência dos que vivem, governam e dizem amar Salvador??

    Abraço
    GAr

    • Amigo Aroucha, certamente nos sentimos muito satisfeitos com o incentivo de pessoas como vc. Nos deixa com a sensação de estarmos fazendo algo muito importante para nosso planeta e nossa gente. Valeu. Mantenha contato que quando pintar outra ação deste tipo vamos precisar de seu apoio. Abço, BMussi

  40. Parabéns, amigo, por documentar o vandalismo capitalista agressor dos oceanos e pela iniciativa de fazer a sua parte.
    Gostaria de sugerir que o amigo encaminhasse o documentário assim mesmo como está para a Cãmara Federal e instruisse algum deputado a propor um projeto de lei multando em alguma quantia o fabricante por cada detrito industrial encontrado no fundo do mar. Uma ONG se encarregaria de monitorar os procedimentos incusive o de recolhimento para posterior doação aos “Catadores”.

    • Valeu carlos! São ideias e opiniões como estas que devem chegar, realmente, aos ouvidos e à consciencia dos nossos políticos. Infelizmente eles não aparentam estar muito preocupados com este tipo de coisa. Mas todo o processo de mudança exige tempo, paciência, empenho e dedicação. Nossa esperança é poder abreviar as etapas deste processo antes que seja tarde demais. E o VOTO É A MAIOR DE TODAS AS ARMAS QUE TEMOS NO MOMENTO. Vamos replicar sua mensagem e muitas outras a uma lista de Deputados e Senadores. Sabemos que será muito difícil tocá-los mas somos brasileiros e não desistimos nunca! Vamos em frente, Bmussi

  41. Prezado Bernardo,
    recebi através de uma amiga o link do seu blog com seu último post. Gostaria de acrescentar aos seus comentários que o que fez além de servir de alerta para que as pessoas cobrem da máquina estatal o que lhe é de obrigação, cumpre também conscientizar as pessoas. Lamentavelmente os brasileiros não valorizam a abundância em recursos do país em que vivemos, maltratam o meio ambiente pois preocupam-se apenas em viver o agora. O preço desse egoísmo será pago sem dúvida pelas gerações futuras. Tal educação (não só a ambiental) deve ser iniciada em casa, e não se partir da idéia de por estar “pagando” uma instituição de ensino para que seu ou sua filha frequente, esta tenha total responsabilidade sobre educação e construção de valores. Ótima iniciativa, é bom ver que ainda existem pessoas que se incomodam com o descaso das pessoas para com o lugar que vivem e seu meio ambiente. Quando eu comecei a me incomodar passei a aprender muita coisa sobre coleta seletiva, melhor aproveitamento dos alimentos…Hoje busco conscientizar as pessoas a minha volta e já vejo vizinhos separando material reciclável. Não há palavras que possa usar que descrevam a alegria de ver que os meus vizinhos passaram a se preocupar com o futuro “coletivo”! Abraços e sucesso!

    • Amiga Viviane. Super parabéns pela sua consciencia sobre assuntos tão fundamentais para nossas vidas. Sua atitude reflete uma personalidade saudável, solidária e de boas intenções. É disso que o nosso planeta precisa. Valeu e vamos em frente… BMussi

    • Legal Viviane! Que bom que gostou da nossa ação e ainda por cima é um belo exemplo vivo de boas ações a favor do meio ambiente. Muito legal… Espero que voce siga em frente com a sua missão de “contagiar” as pessoas com as ações positivas que vem realizando. Uma ação nobre e de fundamental importancia para as futuras gerações. Forte abraço e vamos em frente. Bernardo

  42. olá Bernardo!!!!

    Li sua matéria através de um amigo e agora acessei seu blog…..quero te dar os parabéns pelo trabalho e pedir sua autorização para divulgar este material para meus amigos, sou “doido” por carnaval e tenho consciência que o grande público não enxerga este evento da mesma forma que eu enxergo, como faço parte deste contexto e sei que tem muita gente boa no meio, quero divulgar o trabalho como forma de alerta…..aqui em São Paulo a situação é um pouco pior e sua iniciativa pode servir de trampolim para ações em outros locais, aqui em São Paulo por exemplo…..

    Abraços e obrigado pela atenção.

    • Olá amigo Ivo, com certeza será um prazer contar com sua divulgação por Sampa e por onde sua voz for ouvida. Realmente estas imagens não são privilegio aqui da terrinha santa. E fico muito animado por estar recebendo mensagens como a sua pois demosntra que ainda há muita esperança na direção de um carnaval mais limpo, mais alegre, mais consciente e saudável. Obrigado pelo contato e, VAMOS EM FRENTE…BMussi

  43. Prezados ambientalsitas, a TVs não são os únicos veículos de divulgação de notícias, vídeos postados na internet por muitas vezes tem repercussões mais diretas. Sou jornalista e documentarista e sugiro que transformem estas imagens em documentário, que pode rodar o mundo e inumeros festivais temáticos. Sou de Minas e em 2000 estive em morro de São Paulo e fiquei chocado com a sugeira que batia em uma das praias trazidas por correntes de Salvador. Infelismente cuspimos no prato que comemos. Parabéns a todos pela iniciativa.

    • Amigo Junior. Primeiro um grande abraço pra galera de MG. Tenho bons amigos aí. Valeu a dica do documentário. É o caminho que vamos trilhar. E vc vai saber notícias. Valeu a força e vamos em frente. Abço, Bmussi

  44. Que absurdo as imagens, parabenizo vocês pelo belo trabalho, se estivesse perto estaria ajudando, o mínimo que posso fazer é enviar para meu ciclo de amigos para tentar fazer mais eco deste exemplo maldoso de como polir mais ainda este planeta moribundo.
    Aconselho vocês a mandarem as imagens para os fabricantes que aparecm nas imagens, pois eles também são responsáveis e deveriam não só gastar milhões em campanhas para vender mas também para conscientizar os beberrões na preservação do ambiente.

    • Certamente Bruno. Temos recebido centenas de posts com este mesmo pensamento. Já enviamos para os empresários e artistas mas, até agora, tá difícil de receber retorno. Vamos em frente. Abço, BMussi

  45. Parabenizo-os pela atitude. Gosto do local e uma das razões que me levam a Salvador e nadar no porto da Barra. Como sugestão ficaria a possibilidade de bloquear, durante o carnaval, o acesso ao mar e obrigar os trios a acoplarem um tipo qualquer de deposito para o material descartavel que seria retirado ao final do cortejo e ainda a instalação de lixeiras que, pelo que me ocorre, não existe no espaço entre Barra e Ondina. Mas, a lamentar, a inercia do poder público, não só da Bahia, que não instrui, educa o povo.Pena que não existam mais pessoas com esta consciencia.Quando estou na praia costumo tirar lixo do mar, coisas como saco plástico, coco, entre outros e raramente encontro uma lixeira disponivel. Polua a praia e perca o turista, esta mensagem deveria ser clara para os prefeitos de cidades litoraneas.

    • Valeu João! São ideias e opiniões como as suas que acabam por gerar soluções inovadoras e eficientes. Realmente é uma vergonha vermos a prefeitura e o governo do estado promovendo algo que não serve em nada a nossa cidade. Pelo contrário, servem para acelerar o processo de degradação de costumes danosos, das nossas praias, do nosso patrimônio histórico e cultural. Mas, vamos em frente. Abço, BMussi

  46. Amigo parabens, pessoas como vc que deveriam estar a frente deste país, nao pessoas hipocritas e sem respeito nenhum com o ser humano.
    Estou longe dai porem pode ter certeza que divulgarei essas fotos a todos os meus contatos.
    Parabens novamente por essa atitude linda para com o nosso Planeta e grita por socorro e so pessoas especiais ouvem, e VC e uma delas.

    abs

    Emerson

    • Caro Emerson, obrigado pelas palavras. Servem como excelente estímulo para continuarmos caminhando em frente, na direção de dias melhores para nossa gente e e nosso planeta. Pena que as “forças ocultas” são extremamente poderosas e gostam de jogar baixo. Mas, como dizem por aí, somos brasileiros e não desistimos nunca. Vamos nessa. Abço, BMussi

  47. Boa tarde! Amigo, gostei muito de sua atitude! Como trabalho com informação e publicidade, concordo com vc no sentido de que o Carnaval é bom pra todos, cabe então a nós torná-lo bom para a Natureza também ! Acho muito importante que as pessoas saibam que não precisamos deixar de ter esse Evento Maravilhoso e Sim Engrandecê-lo ainda mais com Consciência Ambiental. Na próxima aventura, me procure, quem sabe posso fotografar …
    Ps: Tenho um caso de um rio aqui de Lauro de Freitas que está se perdendo, quem sabe vcs nao querem ajudar?

  48. Absurdo!!! Difícil conseguir colocar um pouco de civilidade e educação na cabeça das pessoas. Se trabalho mata a família de orgulho, primo!!! Bjs…

    • Rssss… Gostei do post! Só que não quero MATAR ninguém rsssss…. Mesmo de orgulho! Preciso de todos muito bem vivos para continuar incentivado para novas ações. Beijão a todos vcs e nos encontramos em setembro no evento da familia do RJ. Vamos em frente…BMussi

  49. Eu já coloquei este comentário, mas descobri que este era seu blog pessoal. Mas vale a pena repetir.
    São pessoas como você que me faz acreditar que o Brasil ainda tem um futuro promissor.
    Parabéns pela iniciativa.

  50. PARABÉNS!
    Pela atitude, esforço e principalmente por divulgar este ato! Infelizmente não foi um fato “interessante” para os meios de comunicação (que estão mais preocupados em publicar e falar da vida dos outros que da mais ibope!), mas pode ter certeza que é muito importante pra nós, verdadeiros cidadãos!

    Já estou divulgando no meu facebook, e na rede social da faculdade.

    E mais uma vez… PARABÉNS!

  51. BELISSIMA INICIATIVA, COMO ESTAMOS EM ANO DE ELEIÇÃO, TALVEZ APAREÇA ALGUM CARA DE PAU QUE DIGA ESTÁ SENSIBILIZADO COM ESSA SITUAÇÃO E QUEIRA PARABENIZA-LOS PELO BONITO TRABALHO DE DEMONSTRAR QUANTO MAU A FALTA DE EDUCAÇÃO CAUSA A NATUREZA, EMBORA NADA FAÇA, MAS GRAÇAS A DEUS EXISTEM ALGUMAS DEZENAS DE BERNARDOS NA BAHIA Q SÃO CAPAZES DE MOSTRAR O MILHARES DE PESSOAS SEM CONCIÊNCIA E SEM COMPROMISSO COM O MEIO AMBIENTE, MAU EDUCADOS SÃO CAPAZES DE PROVOCAR!

    • Bla Carlos, e sabemos que as coisas aqui funcionam muito pelas questões politicas e não sociais. Aliás, as questões sociais são meras oportunidades de projeção e uso para os interesses políticos. Uma vergonha… Mas vamos em frente e o importante é que pessoas iguais a voce estejam antenados, opinando, se manifestando e demonstrando indignação com esta situação. Valeu e grande abço, Bernardo Mussi

    • Olá Carmem, que bom que uma ação tão desprovida de propósitos corporativistas acabou ganhando esta dimensão gigante. Creio que vai ser muito bom para nossa cidade…Abço, Bmussi

  52. Ainda bem que existem pessoas como vocês. Que veem e fazem o que ninguém parece se importar.
    Enquanto o ser humano ficar pensando só no dia de hoje e não olhar para o amanhã………este não vai existir…….

  53. Parabéns pelo altruismo !
    Que sua mensagem chegue a todos os níveis da sociedade e que aqueles que lucram com a festa tomem iniciativas responsáveis para evitar este descaso com o meio ambiente nos próximos carnavais.

  54. OI… RECEBI UM EMAIL COM ESSA MATÉRIA E FIQUEI DE BOCA ABERTA COM TAMANHA SUJEIRA NO FUNDO DO MAR E DESCASO DA POPULAÇÃO E DA MÍDIA… ESTOU COLOCANDO A MATÉRIA NO MEU BLOG PAPARICAR.COM PARA DIVULGAR O ASSUNTO… COLOCO TAMBÉM O SEU SITE PARA QUE AS PESSOAS POSSAM ENTRAR EM CONTATO COM VC QUASE QUEIRAM…
    ABRAÇOS, E MUITOOOOO BOM TRABALHO O SEU E DOS MERGULHADORES COM VOCÊ…

  55. Parabéns pela atitude galera! Passei 3 dias em SSA no fim do Carnaval, e é absurdo a quantidade de lixo gerada. E qnd todo esse lixo vai pro mar, ninguem vê, e se dá menos importância.

    Abraço.

  56. Olá Bernardo, fui a Salvador este ano para tocar com a minha banda, ETNO, no festival Palco do Rock e a gente aproveitou e ficou mais uns 3 dias para curtir um pouco a cidade. Chegamos para tocar na terça-feira, último dia do carnaval, bem a tempo de ver a folia nas ruas, muita gente, muita música e principalmente muito lixo. Isso me chocou profundamente. O quanto a cidade estava tomada por embalagens, latas, chorume e restos humanos perfumando os ares. A gente se hospedou primeiro em piatã e lá a gente foi à praia e testemunhou a barraquinhas praticamente na água, com garrafas, latas e plástico flutuando com a maré. E o pior, o descaso da população com essa situação, pouco se importando por aquela situação. Nós caminhávamos pela praia, querendo curtir o mar, mas só conseguíamos ver a sujeira. Uma paisagem que é tão bonita, estragada pelo desrespeito e abuso das pessoas.

    Fiquei contente de ver seu protesto nessas fotos e sua iniciativa de fazer a limpeza ou uma tentativa, tendo em vista a proporção que esse evento tem a cada ano.

    Gostaria de lhe parabenizar e de lhe dizer que vou divulgar o seu blog o quanto eu puder para que situações como essas não sejam em vão.

    Grande abraço.

    Tiago Palma

    Eu fui a Salvador com a minha banda, ETNO, pra tocar no Palco do Rock, um evento de rock durante o maior carnaval do Brasil

  57. Olá Bernardo, fui a Salvador este ano para tocar com a minha banda, ETNO, no festival Palco do Rock e a gente aproveitou e ficou mais uns 3 dias para curtir um pouco a cidade. Chegamos para tocar na terça-feira, último dia do carnaval, bem a tempo de ver a folia nas ruas, muita gente, muita música e principalmente muito lixo. Isso me chocou profundamente. O quanto a cidade estava tomada por embalagens, latas, chorume e restos humanos perfumando os ares. A gente se hospedou primeiro em piatã e lá a gente foi à praia e testemunhou a barraquinhas praticamente na água, com garrafas, latas e plástico flutuando com a maré. E o pior, o descaso da população com essa situação, pouco se importando por aquela situação. Nós caminhávamos pela praia, querendo curtir o mar, mas só conseguíamos ver a sujeira. Uma paisagem que é tão bonita, estragada pelo desrespeito e abuso das pessoas.

    Fiquei contente de ver seu protesto nessas fotos e sua iniciativa de fazer a limpeza ou uma tentativa, tendo em vista a proporção que esse evento tem a cada ano.

    Gostaria de lhe parabenizar e de lhe dizer que vou divulgar o seu blog o quanto eu puder para que situações como essas não sejam em vão.

    Grande abraço.

    Tiago Palma

    • Grande Tiago! É um prazer receber elogios e um depoimento tão verdadeiro como o seu. Realmente a situação é caótica e, por incrivel que pareça, voce é o primeiro artista da música que manda uma mensagem tão legal. Tinha a esperança de receber primeiramente de artistas locais, dos que fazem o carnaval e são solidários com a situação mostrada na matéria do meu blog. Cara, fico muito feliz por suas palavras e mais ainda por ser de uma banda de rock. As pessoas acham que a galera deste estilo não se preocupa com isso, com as pessoas, com a saúde. Acham que roqueiro é só doidão, gosta só da noitada, não se preocupa com este tipo de coisa… Voce provou o contrário com um simples depoimento e muita consciencia pela vida de qualidade das pessoas. É por isso que somos esperançosos por mudanças positivas neste cenário daqui. Sei que vai demorar, porém, acredito… Valeu mais uma vez e aquele abraço! BMussi

  58. Indignante!! Pior do que os foliões sem noção é a atitude da imprensa e dos donos do carnaval!!! Parabéns pela atitude, estou usando suas imagens nas minhas aulas!!!

    • Beleza Liliani, é de pessoas iguais a voce e atitudes positivas que vamos tentando melhorar a qualidade de vida da nossa gente. Fico orgulhoso por saber que nosso trabalho está servindo para a educação. Abço e boa sorte no trampo. bmussi

  59. Estão de parabens pela iniciativa, a natureza precisa de cada um de nos, vamos fazer nossa parte!!
    Sucesso brothers!

  60. Simplesmente, PARABENS pelo trabalho de vocês.
    Fico triste em ver que existe tanta gente IGNORNATE nesse mundo, não param um minuto se quer para pensar no que isso pode causar… quer dizer só param para reclamar quando vem uma Tsuname, uma tempestade, um terremoto e acabam com tudo que eles têm, ai vem reclamar da vida e chorar…
    Não vêem que estão acabando com a Natureza, matando animais, vida marinha…. e a Natureza só está respondendo ao que ela recebe…
    Isso me causa muita indignação!

  61. Grande Bernardo
    Na segunda feira do carnaval tb vivi momentos de tristeza na praia de ILHA DE MARÉ um paraíso ecológico abandonado pelos poderes publicos, e o descaso dos nativos e visitantes.
    Era muito grande a quantidade de lixo na areia e dentro do mar, produzidos somente naquele dia. Caminhando pela praia vc encontra lixões, carcaça de geladeira, fogão e etc no meio da vegetação.
    Você e a turma de mergulhadores estão de parábens O trabalho de vocês chama a atenção da sociedade que precisa acordar enquanto há tempo, pois, a Natureza está reagindo.

    • Caro Jorge, sabemos que muitos outros lugares estão em situação ainda pior em relação a esta área do Porto/Farol da Barra. Creio que o FUNDO DA FOLIA pode servir de alerta para que ações sejam tomadas nestes outros lugares já que é possível desenvolver medidas educativas por aqui que possam estimular nova intervenções por este nosso estado tão violentado. Veja que a a repercussaõ foi muito grande pois a Barra é area de grande visibilidade nacional e internacional por conta de suas atrações hitóricas, culturais, “carnavalescas”, entre outras. Vamos ver no que vai dar. Infelizmente sabemos que a depender dos nossos políticos a coisa, se andar, vai a passos de tartaruga. Uma verdadeira lástima… Abço, BMussi

  62. PARABÉNS,PRECISAMOS DE CULTIVAR A ATITUDE DO CUIDADO, COM TODO O LIXO QUE GERAMOS E DESCARTAMOS ,NÃO SÓ NO CARNAVAL (o que é absurdo)mas também no dia a dia.Vocês lembram da Campanha do SUGISMUNDO? COMO DESEJO QUE ALGUN POLÍTICO ,colocasse na campanha um programa de CONSCIENTIZAÇÃO NACIONAL ” L I X O “. QUE A AÇÃO DE VOCÊS SEJA EXEMPLO. Divulgo com maior respeito. PARABÉNS MAIS UMA VEZ.

  63. Caro Bernardo

    Muitas vezes perdemos a esperanca e achamos que uma populacao tao desassistida e deseducada assumira as redeas e, com seus erros e inconsciencia, prejudicara a todos..
    mas entao verificamos que este lixo todo que voce encontrou nao foi apenas lancado ao mar por miseraveis..foi lancado por estudantes, proprietarios de barcos, consumidores de cervejas e de abadas(que se podem pagar por eles devem ter alguma renda e imaginamos educacao).
    Estamos vendo nosso pais ser dilapidado de forma generalizada pois nao ha respeito, firmeza nem exemplo por parte da sociedade pensante.

    Sua iniciativa merece sim visibilidade.
    Recebi por email e fiquei com sentimentos mistos: felicidade por voces existirem e tristeza por sentir que somos poucos.
    Resido fora do Brasil e moro perto de um lago(em area urbana) e este lago é transparente de limpo. Aqui nao se joga uma ponta de cigarro pois as multas seriam gigantes alem de que cada cidadao tem o orgulho de contribuir com a limpeza e com a preservacao do ambiente que ele mesmo usufrui.

    Aproveito para perguntar: que exemplo de governante temos no posto mais alto deste pais?
    Que palavras de incentivo ele aporta para a educacao, para a retidao e bons costumes?
    Um povo deseducado e relaxado continuara a sujar e votar inconscientemente.

    Parabens por sua iniciativa.
    Repassarei para amigos no Brasil e caso voces precisem de apoio maior ou queiram fazer alguma parceria com algum orgao do exterior, poderiamos tentar viabilizar.

    Abracos,
    Myrna

    • Amiga Myrna! Fico sem palavras para te dizer algo após um depoimento tão claro e sensível quanto o seu. Este é nosso sentimento diante da realidade que vivemos aqui. É duro ver governantes empurrando ideias e ações tão estapafurdias pelas nossas guelas sem que possamos, como cidadãos comuns, fazer algo que tenha resultados breves. Pior é que vemos estas ideias tão atrasadas e sem qualquer compromisso com o desenvolvimento da nossa gente e nossa cidade, servindo de bandeira e palanque como se fossem coisas boas. Raiva, depressão e vergonha são, talvez, os sentimentos imediatos.
      Quero te confessar que as vezes penso em sair daqui, mudar de cidade, de país… É duro ver nosso país com o potencial que tem trilhando caminhos tão sinuosos em seu desenvolvimento. É duro ter que admitir que existe esta vontade de sair daqui do Brasil para encontrar esta organização que descreveu em sua mensagem, esta qualidade de vida, mesmo tendo que encarar os aspectos negativos que envolvem uma decsão deste nivel.
      Mas tenho sonhos e acredito que podemos deixar algo melhor para nossos filhos e netos. E se nossas ações não resolverem, pelo menos servirão de resistência contra tantas maldades. Acredito em dias melhores….
      No mais, sua participação com a divulgação deste trabalho por onde quer que tenha acesso já será muito legal. E se puder, divulgue por onde vive, aí pelo exterior. A turma precisa saber da verdade…Super abço, Bernardo Mussi. bbmussi@superig.com.br. Ps. A matéria esta sendo traduzida para o inglês, espanhol, alemão e frances…

  64. Bernardo Mussi,

    Cara, não morres mais :-)) Acabo de voltar de SSA e pensei, “pô, queria encontrar Bonga, será que ainda mora aqui no Porto?” E hoje me surpreendo com a matéria enviada por um primo. Massa. Bom trabalho cara, a poluição e insustentabilidade moral, econômica e política são os grandes males que herdamos do século vinte para combatermos no presente para possiblitar um futuro um pouco melhor. Sou otimista. O pior de tudo é a pobreza, a pobreza de espírito do folião egoísta. De certa forma, lembrou-me do filme Dersu Uzala (Akira Kurosawa).

    Abs,
    Claudio Guedes

  65. Parabéns pelo bom trabalho, pena que as emissoras dão as costas à algo extremamente importante como isto, me aperta o coração ver que “nós”, os seres (des)humanos, somos tão ignorantes com a Mãe Naturaza. Recebi este email aqui no Rio Grande do Sul, e achei interessante que vocês soubessem disso, esse é o poder da internet, reenviei o mesmo para todos os meus contatos, pois está na hora de mudar, mudar para melhor. Cada um pode fazer a sua parte e vejo que vocês já o fazem. Abraço e tudo de bom!!!

    • Amigo DJ, em primeiro lugar mando aquele abço pra turma daí do sul. Tenho alguns amigos no surf por aí. Sobre as cenas lamentáveis ficamos quase que sem ação diante da inoperancia e incompetência dos poderes públicos que parecem jogar contra aquilo que lhes é dever. Uma lástima, uma vergonha, uma tristeza…No mais, vamos em frente! Abço tchê, BMussi

  66. PARABÉNS! Bernardo!
    Sabemos todos da presença do lixo. Mas apenas uns se prontificam a recolhê-lo. Essa ação foi espetacular! MOSTRA SUA DIGNIDADE QUANTO “SER HUMANO”. Grande abraço!
    Rita

  67. Parabéns pela iniciativa! Fico muito feliz em saber que há pessoas que ainda se preocupam com o meio ambiente! Sou uma delas! Porém sou uma “voluntária ambiental” limitada e individual. Gostaria de poder fazer mais… Não conheço o movimento que vocês fazem, mas achei muito legal. Você já pensaram em fazer algo desse tipo em maior escala, convocando pessoal para “varrer” o mar? Se um dia pensarem nisso ou em qualquer coisa do tipo, me coloquem na lista dos avisados! Mesmo que eu não possa comparecer, ajudo a espalhar!

    • Olá Daniela, somos como voce, voluntários ambientais limitados e individuais. Acho que somo os “eco” do futuro…. Importante fazer com o coração pelo prazer apenas de cumprir uma necessidade da consciencia. Mantenha contato pois sua força será fundamental nas próximas ação…Vamos em frente… BMussi

  68. Recebi este email aqui na minha cidade, litoral norte de são paulo. Aqui é tudo igual, pessoas porcas, ignorantes que jogam seus lixos na porta da casa dos vizinhos e poluem o ar, o mar e as ruas causando depois enchentes e outras coisas mais.
    Parabéns pela iniciativa, vc é maravilhoso. Fico orgulhosa de ainda ver gente como vc. Vou passar esse email para muita gente, afinal estão acabando com nossas praias. Estive em Salvador, uma semana antes do carnaval e a cidade já cheirava mal.
    E o ministro do colete, o tal do Minc?????
    Mais uma vez, parabéns!!!

    • Valeu amiga Vera! Fico feliz por ter compartilhado positivamente com esta nossa ação. Sei que sampa também enfrente este problema, porém, Salvador não se compara a alugar algum. Mantenha contato com seus depoimentos e opiniões que são muito valiosos. É assim que poderemos avançar mesmo que discretamente na direção de dias melhores. E salvador realmente está cheirando mal… Abço, Bernardo Mussi

  69. Parabéns pela brilhante iniciativa e pelo trabalho ecologicamente e politicamente corretos realizados. Que esta ação sirva de ATITUDE para os nossos administradores públicos e para toda a população, principalmente os foliões, porque estes, vão às ruas poluindo de forma absurda e sem a menor consciência sócio-ambiental, pelo menos,para a grande maioria deles.Adoro carnaval, sou pernambucano, natural de Olinda e me dói o coração o que vejo todos os anos: os maus tratos com palmeiras imperiais seculares, o descaso e pixações em nosso belo e valioso patrimônio histórico, a nojeira que fica nas areias de nossas praias e muito mais…

  70. É desolador em pleno SEC. XXI nos depararmos com esse tipo de problemas. Não podemos nem dizer que é falta de informação, pois mais parece mesmo falta de consciência. Não só educação ambiental, porem educação para viver, isso mesmo pessoas que não tem educação para viver, respirar, andar por locais lindos, e se alimentar de tudo de bom que a terra nos oferece. Só querem usufruir de tudo sem a preocupação de cuidar e preservar. Infelizmente essa agressão acontece em todas as praias brasileiras, umas com menos ou mais intensidade. Vi uma reportagem sobre a praia de Salinas em Belém e fiquei chocada com tanta sujeira de apenas um final de semana. Tive a impressão que os banhistas não viam a praia como um lugar bonito e de lazer, porem eu tive a grande impressão que já na chegada eles viam uma grande lata de lixo, onde poderiam, emporcalhar com restos de seus hábitos inconsequentes e degradante. Afinal de tudo o único lixo que levam pra casa são suas “consciências”
    Se eu fosse chargista desenharia uma praia em formato de lixo, com alguns lixos humanos dentro.

  71. Prezado Bernardo e Galera do Mergulho,

    Parabéns pela iniciativa.

    Já comecei a divulgar o trabalho que vocês fizeram e acho que deveriam insistir com os meios de comunicação. Pelo menos tentem novamente a partir das imagens, filmes e depoimentos… tentem sempre.

    Não deixem de fazê-lo, mas cobrem sempre e exponham todas essas mazelas.

    Moro no Rio de Janeiro e farei o que puder para ajudar vocês,

    Abraços a todos voc~es,

    Arthur Perez

  72. Olá,

    Publiquei essa postagem em meu blog.
    Parabenizo vcs pela atitude e confesso que as fotos impressionaram – a falta de educação, de consciência e de respeito das pessoas chega a enojar. E o descaso do poder público em sanar a situação é de fazer o sangue ferver.
    Tem que educar a população. Tem que fiscalizar. Jogou lixo na praia? Multa em $$. Não adianta fazer dar cesta básica não. As pessoas só aprendem quando sentem no bolso, quando não tiver dinheiro pra comprar a cervejinha porque teve que pagar multa devido ao péssimo hábito de sujar os lugares. Aí sim, a coisa começa a funcionar… (minha modesta opinião)

    • Olá Luciana, concordo com voce sobre as multas. Vc está coberta de razão e esta deve ser uma proposta para acontecer em todo o Brasil. Jogue suas ideias ao vento para que possam engrossar as fileiras daqueles que pensam da mesma maneira. vamos em frente…Bmussi

  73. Olá Bernardo,
    Tudo bem?
    Sou jornalista da Revista Alma Surf. Li sobre a iniciativa de vocês e gostaria de publicar uma matéria para nosso Portal. Você poderia me enviar seu contato de e-mail?
    Obrigada,
    Alexandra Iarussi

  74. Amigos,
    Pessoas como vocês pode-se chamar de amigos. Amigos da natureza, amigos da criação divina. Amigos meus, por que não?…
    Eu sou de muito longe daí. Bem longe mesmo.Não conheço, mas tenho muita vontade de conhecer. Talvez por isso tenha também chegado até eu, esse documentário através de um e-mail.
    Sou gaúcha, moro no Coração do RS-SANTA MARIA.´
    Parabéns, amigos.
    Fico feliz sempre que sei destes gestos de amor a nossa casa comum.
    Apesar de tão longe, coloco-me à disposição.
    Abraços.

    • Amiga Beth! Somos amigos e irmãos. Somos pessoas comuns com pensamentos comuns e muita sinceridade no trato com as questões que envolvem o bem estar comum. Por isso a preocupação com o meio ambiente. É natural, é bonito, é nobre… valeu o e-mail com palavras tão amigas. Mantenha contato pois, quem sabe, um dia, estaremos juntos para trocar ideias positivas. Abço da Bahia, Bernardo

  75. Realmente uma vergonha pra todo cidadão brasileiro! É claro que a melhor alternativa para a presenração do meio ambiente é a educação de cada um de nós para colocar o lixo no seu devido lugar e não nas ruas, tampouco nas praias, habitat natural de muitos seres vivos.
    De qualquer forma, seria muito interessante a realização de uma iniciativa junto a prefeitura, representantes de associações catadores de lixo e demais membros da população, não apenas para a retirada de todo este material do fundo do mar, como também educar àqueles que esta praia frequentam.

  76. Realmente uma vergonha pra todo cidadão brasileiro! É claro que a melhor alternativa para a preservação do meio ambiente é a educação de cada um de nós para colocar o lixo no seu devido lugar e não nas ruas, tampouco nas praias, habitat natural de muitos seres vivos.
    De qualquer forma, seria muito interessante a realização de uma iniciativa junto a prefeitura, representantes de associações catadores de lixo e demais membros da população, não apenas para a retirada de todo este material do fundo do mar, como também educar àqueles que esta praia frequentam

  77. Graças a Deus nem tudo está perdido, pois contando com pessoas como vocês (que se preocupam e sentem a dor que a agressão ao meio ambiente provoca), ainda teremos lutadores, que mesmo contra uma MASSA enorme que suja as ruas, praias, etc, consegue reverter algumas situações como essa.
    Muito obrigada pela iniciativa… Sou bióloga e me indigno com atitudes de seres humanos que nem se preocupam com o mundo que vai restar para nossos filhos.
    PARABÉNS!!!!!!!!!

  78. Bernardo, você não imagina como me sinto feliz ao encontrar pelo caminho da vida pessoas como você! Cara, você fez toda a diferença perante o fato visto na praia!
    Quero de verdade te dizer que você é o CARA!
    O mundo é carente de pessoas como você e de atitudes como a sua.Parabéns por tudo, inclusive pela divulgação.
    Espero poder ajudar na divulgação através de email.
    Estou nessa , se precisar de ajuda, conte comigo!!!
    Abraços
    Fabiana

    • Valeu Fabiana, me sinto super motivado por palavras elogiosas como as suas. Certamente existem momentos na vida da gente que somos contemplados com energias muito positivas. Tive a sorte e a felicidade de estar no lugar certo, com as pessoas certas e a inspiração necessária para realizar aquela ação e o texto do FUNDO DA FOLIA. Ajude divulgando e emitindo sua opinião. Assim que poderemos mobilizar mais e mais pessoas a rediscutirem coisas tão evidentes como a degradação que tem acompanhado eventos como o Carnaval. Precisamos diminuir seus impactos negativos. E voce poderá fazer a diferença com seu apoio. Valeu mesmo, e mantenha contato. Abço bbmussi@superig.com.br

  79. Parabéns pela atuação de vocês. Seria ótimo se todos tivessem a mesma iniciativa.
    Trabalho em uma empresa de Petróleo e recebi as imagens em email da mesma.
    Estarei repassando para todos da empresa que trabalham aqui no Brasil e ao redor do Mundo se concientizarem dos problemas e ajudar a manter limpa a nossa Natureza.
    Um abraço a vocês e, no que eu puder ajudar, é so pedir.

    • Valeu! Ficamos felizes por seu posicionamento a favor da ajuda à causa. Certamente vc deve ter uma visão super legal sobre o assunto e suas opiniões pela net são muito importantes. Mande ver. E vamos mantendo contato. Abço, Bernardo Mussi

  80. Nossa cara,
    Parabéns!!!!
    O que vcs fizeram foi realmente louvável! E melhor ainda que vcs puderam documentar tudo! Mas a quantidade de lixo não me espanta considerando-se a barbaridade que é o carnaval na Barra. Com certeza ainda tem muito mais espalhado pelo mar…
    Há uns anos atrás fiz uma coisa parecida (em menor escala) na Praia do Porto depois do Reveillon. A quantidade de latinhas e garrafas de champagne é impressionante tbm!
    Além disso, todo fim de domingo em qualquer praia de Salvador, a quantidade de lixo que fica na areia é absurda (parece até que foi carnaval)!
    Acho que vcs deveriam continuar se esforçando para mostrar paras pessoas a realidade das nossas praias. Quem sabe assim, algumas delas tomem consciência e da próxima vez que forem à praia, levem uma simples sacolinha para jogar suas coisas e depois colocá-la no lixo)!!!
    Mais uma vez parabéns pela iniciativa!!!
    Uma pergunta, vcs fizeram vídeos?
    Posta eles pra gente poder ver!
    Abçs,
    Milena

    • Que legal que tenha gostado da ação e que tenha a mesma visão sobre a sujeira em nossas praias. Algo tem que mudar. Temos as imagens em alta resolução que tem sido usadas pelas emissoras de TV que veiculam matérias sobre o assunto em diversos programa. Estamos providenciando a edição destas imagens para um documentário a pedido de diversas pessoas que gostriam de usar em palestras, aulas, conferências e outras ações de divulgação. Aí certamente vamos liberar para o youtube e para quem mais tiver interesse, com o maior prazer. Mais uma vez, obrigado pelo post. Abço, Bernardo Mussi

  81. Cara, ta de parabens, muito boa essa ação! O povo tem que se concientizar… jogar o lixo em qualquer lugar é facil, o dificil é fazer oque vcs fizeram!
    parabens mais uma vez!!!

  82. Estão de parabens pela atitude,o desalento maior é que são pessoas, que muitas vezes criticam e apontam dedo para poluição dos mananciais e outros tantos absurdos que acontecem por ai.

    Um Abraço
    Exótico

  83. ola acho q deveriam ter leis mais severas com quem faz essas coisas com a natureza,pois como na virada d ano as praias ficam cheias d cacos d vidros

  84. Olá!sabe aquela máxima ” se cada um fizer sua parte tudo se resolve”.E assim voces o fizeram!o Planeta agradece a cada atitude que beneficia todo ecossistema.estou também engajada nesta AÇÃO E REAÇÃO!e agradeço do fundo meu coração e de todo meu organismo interno por pessoas como voces comprometidas com ações diárias que lá adiante serão mui significativas! um abraço fraterno à todos!

  85. Parabéns pela iniciativa. Como carioca e foliã, compartilho a sua revolta. Com certeza propagarei suas imagens à minha rede de amigos e, juntos, cobraremos uma participação mais consciente de empresários e cidadãos habitantes desse Brasil lindo por natureza.

    • Que bom que compartilha desta nossa indignação. E se forem fazer algo parecido em Copacabana durante o reveilon, certamente haverá o mesmo espanto. Fica o grande abraço pelo povo desta Cidade Maravilhosa! saúde e paz para vc… Bernardo Mussi

  86. Olá Bernardo… Td bem?

    Resido em Bragança Pauista (SP) e há um certo tempo atrás recebi esse caso por email. Fiquei tão revoltada, que resolvi fazer uma apresentação de slides e publicar no youtube (link: http://www.youtube.com/watch?v=pYHoMneJEGA).

    Hoje, um professor de teatro em Salvador, entrou em contato comigo (pois no final da apresentação coloquei meu email de contato) interessado em fazer uma peça com esse tema. Achei MUITO INTERESSANTE, contudo não pude o ajudar muito, pois além de eu residir muito longe não estou muito a par dos acontecimentos.

    Estou colando o texto do professor. Por favor, me retorne para q eu possa te passar o endereço de email e o telefone do professor.

    Abraços

    Marcela


    Olá Marcela!!!
    Espero que esteja bem junto aos seus entes.
    Bom o motivo de estar fazendo este contato contigo vem por causa do video ao qual estava vendo na internet hoje, achei bacana ter e manter um contato.
    Antes de mais nada, quero que conheça um pouco de mim e para melhor entender a minha atitude em te escrever este.
    Olha sou professor de teatro aqui na cidade do Salvador há mais de dez anos, venho junto com algumas escolas desenvolvendo mostras e que por muitas vezes em forma e através do teatro.
    Não costumo fazer nenhuma reeleitura de textos já conhecidos, procuro sempre inovar com inéditos, em muitas vezes com a minha autoria. O nosso espetáculo do ano passado trabalhamos com as sete artes, foi um tema muito bacana, embora minha inteção seria trabalhar com temas que levassem de fato algo forte para reflexão a todos que fossem assistir.
    Bom, este ano estou escrevendo um texto para a montagem prevista para final de novembro. Este trata-se justamente da poluição em nosssos mares, praias, em fim oceano.
    A história esta bem bacana e dinâmica, dependendo de alguns pontos. Como você deve saber, falando-se de teatro tudo pode mudar e acontecer. Assim como os outros espetáculos, costumo misturar algumas liguagens artisticas e recursos tecnicos, até mesmo para dar brilho e afimação de uma certeza a mensagem. Mesmo porque faço a direção teatral e concepção de texto.
    Como havia dito no inicioo de nossa conversa, ví seu video na internet e acho que tem tudo haver com o nosso trabalho.
    Não sei de que forma poderiamos nos unir, imagino que tenha algum material que queira divulgar, até mesmo para fazer clara a sua mensagem.
    Poderiamos nos falar se assim desejar para melhor esclarecimento e que sabe fazermos uma grande parceria.

    Renato Torres

  87. Meus caros,

    Vcs deveriam apresentar essa merda toda às empresas de cervejas – grandes patrocinadores desse evento – para saber o que eles acham desse lixo todo ? Talvez até eles capitalizem para algum programa de Marketing. Também deveriam consultar a Ivete, Claudia Leite, Mercury e outros pra saber o que acham dessa porra toda ! Que tal essa sugeira toda o camarote deles ? E a Rede Bandeirantes de TV…que transmite a coisa ? Que acham ?

    • O pior é que devemos imaginar que após a matéria circular o mundo e sair nos principais veículos de comunicação do País esta turma das cervejarias e da industria do carnaval certamente já teve o prazer de desfrutar do seu conteúdo. Agora, entre conhecerem do problema e fazerem algo realmente verdadeiro contra esta porcatriada vai um distancia enorme. Acredito que veremos muito marketing vazio em cima do tema. É preciso coragem e criatividade para reverter este grave problema…

  88. Ola Bernardo !
    Quem fala aqui e um antigo amigo frances da sua failia …que você encontro em 1976 na Barra, encuanto nos vivemos neste lugar maravilhoso.
    Se você quer mais noticias nao fique sem responder.
    Abraço
    Olivier

    • Grande Olivier! claro que lembro de vc, sua irmã e sua familia. Sabe que até hoje lembro de alguma coisa do início do hino frances por sua causa que vez ou outra ensinava minha mãe a falar algumas coisinhas… Vamos retomar os contatos. Meu e-mail é o bbmussi@superig.com.br
      Vou falar a minha mãe do seu contato e ela vai adorar…
      Super abraço e espero que esteja tudo bem com vc…

  89. Bernardo,
    Boa noite!
    Estou tentando contato com você, pois faço parte do marketing do Grupo A TARDE, realizador da Travessia Mar Grande-Salvador. Em 2011 daremos um cunho mais ecológico à prova. Sendo assim, como gostamos muito a sua ação da coleta no fundo do mar, gostaria de saber se vc tem disponibilidade para fazermos essa ação durante a prova que ocorrerá no dia 09/01, domingo, às 8h.
    Fico no aguardo de um breve retorno.
    Atenciosamente,
    Cládia Maia

    • Amigão, certamente faremos após o Carnaval até mesmo para monitorarmos a situação…Fi que de olho que lançarei a mensagem chamando a turma na época, por aqui, pelo facebook ou pelo orkut. Abção e valeu o apoio. Bmussi

  90. Hey Bernardo, tudo certo?
    Assim como ano passado, pode contar comigo pra divulgação lá no blog. No ano passado, só fiquei sabendo depois que as fotos saíram no Global Garbage… mas já fiz meu post sobre o carnaval, e venho de antemão dizer que pode contar comigo… inclusive lá pro dia.
    Grande abraço,
    Diêgo Lôbo
    essetalmeioambiente.com

    • Valeu demais a força pela divulgação. Fizemos a ação deste ano no dia 12 passado. Como foi algo meio de juntar as pessoas na hora e partir para o mergulho, só divulguei no meu facebook dia antes. Coincidentemente chegamos na praia e já havia uma grande mobilização de mergulhadores com cilindro, biólogos, ONGs e voluntários para fazer a mesma coisa…Foi legal que cobrimos uma área maior e conseguimos um resultado brm legal. Vou postar a matéria aqui no blog falando sobre o assunto, mas não tão especificamente sobre os detalhes do mergulho. Este ano vou partir para levantar uma discussão um pouco mais pontual sobre o papel dos agentes do carnaval neste modelo decadente que está rolando na Barra. E vou falar sobre um problema que acho muito grave ligado ao consumo excessivo de cerveja e sua publicidade em nossa cidade. Uma opinião que gostaria de compartilhar….Se precisar de fotos e videos desta ação é só pedir, estão na mão. Mande e-mail para bbmussi@superig.com.br . Forte abraço. Bmussi

  91. Primeiro queria dar parabéns pela exposição do trabalho e principlamente pela grande iniciativa.
    Em segundo lugar, queria compartilhar a coincidência que acabou de acontecer… estava no facebook, compartilhando o link de seu blog, quando olho para televisão, na rede record e passa uma reportagem semelhantíssima! E acredito realmente que tenha sido o seu trabalho.
    Enfim, grandes coincidências a parte, eu gostaria de saber se o “multirão” que vocês organizam, somente seria de mergulhadores. Tenho uma turma de amigos que participavam de limpezas de praias com ongs, mas devido a inúmeros fatos, nunca mais fomos.
    Assim, me coloco a total disposição para uma posterior ajuda!

    Parabéns mesmo pela iniciativa

  92. Que Deus ilumine vocês! não desistam! Vocês são enviados especiais do alto por entidades superiores! Se eu estivesse aí ajudaria e olha que já tenho64 anos… A Internet é poderosa.

    • Valeu Silvia. Sempre bom receber palavras tão positivas. E saiba que com isse pequeno gesto vc já faz parte de uma grande turma de pessoas que se irmanaram na luta por dias melhores. Super obrigado e estamos juntos. Abço, BMussi

  93. Parabéns galera.

    Ações como estas devem ocorrer com mais frequência. Sei que não é fácil principalmente quando não se tem apoio nem mesmo da mídia que para não perder suas contas públicas optam em fingir que não enxergam e não ouvem.

    Mas hoje temos a net e pessoas obstinadas como vocês que nos incentivam cada vez mais a nos concientizarmos sobre nossas atitudes e responsabilidades.

    Não esqueçam de me convidar para as próximas ações. Terei o maior prazer em contribuir.

  94. Olá amigos!Sou professora no rio de janeiro de uma turma de alunos com faixa etária de 4 e 5 anos e estava pesquisando e encontrei essa linda estória para ser contada em imagens na feira de ciências da escola onde o nosso tema é “A decomposição de materiais usualmente jogados nos rios ,lagos e mares”.Gostaria de saber se vocês permitem que as imagens sejam utilizadas.Se permitirem desde já agradeço a colaboração ao meio ambiente e a “Feira de Ciências”.Pessoas como vocês tem de ser ouvidas e divulgadas.Parabéns pela iniciativa!!!

  95. Rosane Barbosa Silva :
    Olá amigos!Sou professora no rio de janeiro de uma turma de alunos com faixa etária de 4 e 5 anos e estava pesquisando e encontrei essa linda estória para ser contada em imagens na feira de ciências da escola onde o nosso tema é “A decomposição de materiais usualmente jogados nos rios ,lagos e mares”.Gostaria de saber se vocês permitem que as imagens sejam utilizadas.Se permitirem desde já agradeço a colaboração ao meio ambiente e a “Feira de Ciências”.Pessoas como vocês tem de ser ouvidas e divulgadas.Parabéns pela iniciativa!!!

    • Claro, será um prazer colaborar com uma melhor formação das nossas crianças.
      Apenas divulgue os créditos do meu humilde blog pois assim ajuda na divulgação deste árduo e voluntário, porém prazeroso, trabalho.
      Grande abraço e sucesso.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s